• Marrone Silva

Quase metade das visitas técnicas já foram realizadas pelos técnicos disponibilizados pelo IEPRO-RS

Atualizado: 10 de Jul de 2019

As visitas técnicas disponibilizadas pelo Instituto de Estudos de Protesto do Rio Grande do Sul (IEPRO-RS) seguem intensas em todas as regiões do estado, para averiguar se os Cartórios de Protesto possuem os requisitos básicos exigidos pelo Provimento 74, conforme o Conselho Nacional de Justiça – o qual dispõe sobre padrões mínimos de tecnologia da informação para a segurança, a integridade e a disponibilidade de dados para a continuidade da atividade pelos serviços notariais e de registro do Brasil e de outras providências.


Na sexta-feira, o Tabelionato de Protestos de Caxias do Sul recebeu a visita do Analista de Sistemas e Técnico Giovani Oviedo. O Profissional foi convidado a conhecer a estrutura do Cartório e o material tecnológico. O Técnico aproveitou a ocasião para auxiliar e mostrar as exigências do Provimento 74. “Todos foram muito acessíveis, demonstraram preocupação e atenção aos requisitos do Provimento 74. As visitas que eu fiz, até o momento, pela Região da Serra, têm sido positivas. A grande maioria está buscando se adequar ao Provimento”, disse Giovani Oviedo.


O Tabelião de Caxias do Sul, Felipe Uriel Felipetto, avalia positiva a iniciativa do IEPRO-RS, em ajudar os Cartórios. Para ele, esse auxílio traz segurança aos trabalhos. “Eu me sinto muito mais seguro de estar com essa disponibilidade de informática, relacionado a inconsistência, ataques, entre outros. Claro, ninguém está imune totalmente, mas estamos caminhando para o ato mais seguro possível, o Provimento veio de uma forma impositiva, mas hoje a gente vê que ele trouxe um efeito favorável a segurança jurídica, tanto nos atos praticados pelo Tabelião, quanto ao usuário, que não vai ficar vulnerável com seus dados”, salienta Felipe Uriel.


Segundo dados do IEPRO-RS, 45 Cartórios já receberam as visitas dos profissionais capacitados até o momento. Regiões como a Campanha, Serra, Norte, Sul e Metropolitana, fazem parte do roteiro dos Profissionais. Cerca de 95 cartórios estão inscritos para receber o auxílio dos técnicos sobre o Provimento 74.


Texto e foto: Marrone Silva

Fale conosco

O Instituto de Estudos de Protesto do Rio Grande do Sul (IEPRO-RS), associação sem fins lucrativos, tem como objetivo congregar os profissionais dos serviços notariais do Estado, promover debates e pesquisas de interesse profissional que visem aprimorar o sistema de protesto de títulos.

contato@protestors.com.br

51 3062.0745 

Rua Comendador Caminha, nº 300

CEP: 90430-030

Moinhos de Vento | Porto Alegre 

Rio Grande do Sul - Brasil